Mãe

0

image2

O Dia das Mães está chegando, uma data ambígua para mim. Por um lado feliz, afinal tenho duas filhas lindas e saudáveis e por outro triste, pois não tenho mais a minha mãe, tenho apenas um vazio que dói. Em 2002, na segunda-feira após o Dia das Mães, ela infartou e veio a falecer no domingo seguinte. Aquele foi, sem saber, o último Dia das Mães que passei com ela.

Sou filha única, mas a segunda filha dela. Meu irmão mais velho nasceu morto, e por isso sempre fui criada com muito cuidado, carinho e mimos, e fomos sempre muito grudadas. Meu pai faleceu quando eu tinha 8 anos e daí eu e ela ficamos ainda mais juntas.

Sei que é apenas uma data comemorativa, com fins lucrativos para o comércio, mas mexe muito comigo, afinal, além de ser o Dia das Mães, ela partiu em seguida, e eu fico muito mais emotiva nesta época do ano. Hoje vivo com a saudade, a dor da perda, mas feliz por ter nascido dela, por ter vivido com ela 37 anos da minha vida.

Por isso se você ainda tem sua mãe ao seu lado, viva intensamente com ela, aproveite ao máximo a sua presença. Feliz Dia das Mães!

image3 (2)

image2 (2)

image1

image3

image3 (1)

Nenhum comentário foi feito ainda.

Deixe uma resposta ou comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *